O último adeus dum combatente?

Naquela tarde em que eu parti e tu ficaste 
sentimos, fundo, os dois a mágoa da saudade. 
Por ver-te as lágrimas sangraram de verdade 
sofri na alma um amargor quando choraste. 

Ao despedir-me eu trouxe a dor que tu levaste! 
Nem só teu amor me traz a felicidade. 
Quando parti foi por amar a Humanidade. 
Sim! Foi por isso que eu parti e tu ficaste! 

Vasco Cabral in “Manuel Ferreira, 50 Poetas Africanos” |1989