Poeta

Carlos Drummond de Andrade foi um poeta, contista e cronista brasileiro, considerado por muitos o mais influente poeta brasileiro do século XX. Drummond foi um dos principais poetas da segunda geração do Modernismo brasileiro.

1902 | POETA

Carlos Drummond de Andrade

foto: Carlos Santos

vida e obra

Carlos Drumond de Andrade foi um poeta, cronista, contista e tradutor brasileiro. Sua obra traduz a visão de um individualista comprometido com a realidade social.

Descendente de família rural, fez-se burocrata e entregou-se às letras. Aceitou o modernismo de que veio a ser uma das maiores figuras.

Poeta frequentemente sarcástico, irónico, cheio de humor, disfarça com isso um lirismo puro e profundo, uma enorme simpatia humana e uma constante e aguda preocupação com o sentido da vida e do homem.

Tem horror ao sentimento e ao patético, mas guarda limpidez de sentimento e um agudo sentimento do trágico que comunica com muita discrição e finura.

Alguns dos seus poemas alinham-se entre os melhores da Língua Portuguesa.

Como cronista comentava os acontecimentos com ironia e graça, deixando sempre transparecer a sua preocupação com o autêntico e com as coisas essenciais do homem.

Colaborou regularmente nos Jornais cariocas Correio da Manhã e Jornal do Brasil.
Além de poesia, produziu livros infantis, contos e crónicas.

“No meio do caminho tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
tinha uma pedra
no meio do caminho tinha uma pedra.”

Excerto de "No meio do caminho" | 1928

o poeta no parque

partilhar
conteúdo relacionado

Nota Biográfica

Nascimento: 31 de outubro de 1902 – Minas Gerais, Brasil
Morte: 17 de agosto de 1987 – Rio de Janeiro, Brasil

Tv Cultura

A vida e a obra do escritor são contadas através de entrevistas com professores, parentes e estudiosos do seu trabalho

No Caminho de Drummond

Quando encontrar alguém

Parque dos PoetaS

Pétala 31

  • poemas
  • palavras
  • recursos
  • bibliografia

 

 

Não existem ainda recursos para apresentar sobre este poeta.

 

 

 

 

Consulte a sua obra no catálogo das Bibliotecas Municipais de Oeiras. Clique aqui.